Lisbon Público, November 28, 2005

From The Elvis Costello Wiki
Jump to: navigation, search
- Bibliography -
1975767778798081
8283848586878889
9091929394959697
9899000102030405
0607080910111213
14151617 18 19 20 21


Lisbon Público

Portugal publications

Newspapers

Magazines


European publications

-

Elvis Costello estreia músicas de ópera sobre Andersen



translate

A ópera The Secret Arias foi pedida para o bicentenário do escritor dinamarquês

O músico Elvis Costello apresentou na Opera de Copenhaga dez músicas da sua primeira ópera, The Secret Arias, baseada nos contos de Hans Christian Andersen. Costello foi convidado pela Royal Danish Opera para escrever uma peça, integrada nas celebrações do bicentenário do escritor dinamarquês. A história de The Secret Arias é a da "paixão e idealização" de Andersen por Jenny Lind, soprano sueca, disse Costello à BBC.

Ao longo da sua vida, Hans Christian Andersen apaixonou-se por homens e mulheres, mas "manteve a dimensão sexual a uma distância segura", disse Costello, que acrescentou que "muitos biógrafos modernos se concentraram em rotulá-lo - se era gay ou hetero". "Para mim essa não é a questão. O mais importante é que parece que fazia isto deliberadamente e uma das formas que ele tinha de continuar a viver era estar constantemente num estado de fluxo emocional. Jenny Lind é a pessoa mais famosa em quem se fixou."

No entanto, Lind só retribuiu platonicamente, olhando para Andersen como para um irmão. Uma das passagens chave da ópera é a viagem de Lind aos Estados Unidos, organizada pelo showman PT Barnham. The Secret Arias mostra as reflexões de Hans Christian Andersen sobre esta viagem e as músicas secretas que ele poderia ter escrito para Lind.

Costello canta as partes de Barnham e Andersen e disse que tentou encontrar uma linha musical diferente para cada personagem. O director artístico da companhia explicou que tinha escolhido Costello porque ele tinha escrito "algumas canções memoráveis". E acrescentou: "Ele tem um sentido especial da narrativa nas canções, conta histórias com a sua música e com as suas palavras. É um dos músicos mundiais que mostrou ter uma grande variedade de estilos, por isso achei a escolha óbvia. Surpreendeu-me que ninguém lhe tenha feito a proposta [de escrever uma ópera] antes."

-

Público, November 28, 2005


Público writes about The Secret Songs.


-



Back to top

External links