Musica & Som, July 1978

From The Elvis Costello Wiki
Jump to: navigation, search
- Bibliography -
1975767778798081
8283848586878889
9091929394959697
9899000102030405
0607080910111213
14151617 18 19 20 21


Musica & Som

Portugal publications

Newspapers

Magazines


European publications

-

Elvis Costello modelo do ano


translate
   Bernardo Brito e Cunha

Scanning errors uncorrected...

Há pouco mais de um ano, Elvis Costello estava imerso numa obscuridade que se poderia dizer quase total.

No espaço de alguns meses, foi preso por “dar espectáculo” à porta do Hilton Hotel; quase deu origem a um violento recontro entre a polícia e manifestantes, quando aquela teve de dispersar uma multidão de 1 700 fans que não puderam arranjar lugar para o ver actuar num pub de Londres; tocou na primeira parte do espectáculo dos Santana, no Crystal Palace; apareceu mais de uma vez no Top of the Pops; fez uma tournée pelos Estados Unidos que foi considerada “mais do que bem sucedida”; colocou o seu álbum nas tabelas americanas; e, finalmente, colocou esse mesmo álbum em 11.° Lugar (e um single em 9.°) nas tabelas inglesas

Costello tournou-se conhecido pelos seus óculos de massa, de hastes grossas, e pelos seus fatos. Os seus discos têm-se vendido em quantidades impressionantes – e o antigo operador de computadores de Hounslow, é agora um nome a fixar. As cancões que escreve e canta, tratam das experiências normais e habituais a cada ser humano. São histórias da vida e da morte que Elvis Costello canta sem ser num tom melodramático.

Em Julho de 1977, Elvis Costello formou o seu grupo, The Attractions, e tournou-se professional. The Attractions são compostas por Pete Thomas (bateria), Bruce Thomas (baixo), Steve Mason (teclas) e El, que é a principal voz e toca guitarra.

Pouco depois de se terem formado, tocaram quarto noites no Nashville de Londres, onde a cena do recontro com a polícia teve lugar.

O primeiro álbum de Elvis Costello, My Aim Is True, foi produzido por Nick Lowe e lançado em Agosto de 1977, tendo atingido o número 11 no Top do Melody Maker.

Esse álbum foi, desde então, considerado quase unanimamente como o melhor álbum de estreia de 1977. Houve quarto singles de Elvis Costello – “Alison”, “Less Than Zero”, “Red Shoes” e o estrondoso êxito “Watching the Detectives”, que subiu à 9.a posicão da tabela de singles do Melody Maker.

O quinto single de Elvis Costello, saíu já sob a luz do seu novo contrato com a etiqueta Radar. O título é “(I Don’t Want To Go To)”, Chelsea lançado em Inglaterra em Maio e, entre nós, em Junho.

A segunda tournée de Elvis Costello pelos Estados Unidos foi completada com maior êxito do que a primeira, e o album “My Aim Is True” entrou nas tabelas americanas duas semanas após o lançamento do disco naquele país.

Elvis Costello, The Attractions e o produtor Nick Lowe começaram a trabalhar em Fevereiro no Segundo álbum, lançado pela Radar a 17 de Março e mais recentemente editado entre nós. O seu título é “This Year’s Model” e nele estão incluídos muitos dos números que se tornaram imensamente populares através dos espectáculos de Elvis Costello, realizados desde o ano passado.

Coincidindo com a data de lançamento do álbum, Elvis iniciou em Março uma tournée por Inglaterra, com duas datas previstas para o London’s Roundhouse.

Elvis Costello diz de si mesmo: “Não quero ser amado, porque sei que não valho nada, como toda a gente. Mas acho que as minhas canções são do melhor que há”.

Elvis Costello é “o modelo do ano”. Conseguirá ser “o nome do ano”? Só o tempo o dirá.

-

Musica & Som, No. 35, July 15, 1978


Bernardo Brito e Cunha profiles Elvis Costello.

Images

1978-07-15 Musica & Som page 30.jpg

Pages 30 and 31.

1978-07-15 Musica & Som page 30 detail.jpg
Page 30.


Photos from queimador-recortesretalhos.blogspot.com.


-



Back to top

External links